Loading...

terça-feira, 1 de maio de 2012

Movimento pede intervenção do Ministério Público no VI Concurso de Rio das Ostras

Candidatos ao cargo de Assistente Social listam irregularidades
Leia o abaixo-assinado

"Declaramos não estar de acordo com os procedimentos e questões da prova de concurso público organizado e aplicado pela Fundação Trompowsky, no último dia 15/04 para os cargos de Assistente Social I e II no município de Rio das Ostras. Uma série de irregularidades foram encontradas desde a elaboração das provas até o dia de realização por inúmeros candidatos, portanto, esperamos que sejam investigados.

- Questões de prova com mais de uma alternativa correta, confundindo os candidatos.

- Plágio de inúmeras questões para o cargo, retiradas da prova aplicado pela Fundação CEPERJ para outro concurso e no cargo de psicólogos.

- Questões fundamentadas em material bibliográfico de corrente de pensamento contrária ao que foi solicitado no edital, prejudicando a maioria dos candidatos que se debruçaram sobre o material exigido e consequentemente, se sentem lesados e moralmente desrespeitados por tamanho descuido e desinteresse da organizadora para com um processo seletivo de tão grande porte.

- Prova e cartão resposta não foram impressos em papel timbrado.

- Algumas questões com mais de uma opção de resposta.

- Possibilidade de responder uma alternativa inexistente.

- Identificação do nome do candidato no Caderno de respostas, quando o candidato deve ser identificado somente por um número.

Por esse e outros motivos que alguns candidatos identificaram nas provas do referido concurso, é possível que haja favorecimento de alguns em detrimento da maioria. Observamos, por isso, a real possibilidade de fraude e concordamos que a lisura do concurso esteja comprometida. Sendo assim, solicitamos a intervenção do Ministério Público do Rio de Janeiro.

FONTE: Rio das Ostras jornal

Nenhum comentário:

Postar um comentário